DESCOMPLICA Defensoria Pública retoma atividades nas escolas públicas

A ação educativa inicia nesta quarta, 24, na escola Estadual Caranã

O projeto Descomplica: estimulando a mediação de conflitos na escola da Defensoria Pública do Estado de Roraima (DPE) retoma as atividades na capital. Os alunos da escola Estadual Caranã, no bairro homônimo, recebem entre os dias 24 e 26 de abril, a equipe do CAM (Centro de Atendimento Multidisciplinar da DPE), e juntos, desenvolverão as técnicas para a cultura de paz.

Dentre os objetivos do projeto estão: identificar possíveis conflitos presentes na rotina e cultura escolar, passíveis de intervenção com métodos de resolução de conflitos não adversárias, apresentar as técnicas de mediação, conciliação e arbitragem como métodos de resolução de conflito, estimular a qualidade das comunicações e promover atitudes de compreensão, tolerância e respeito no ambiente escolar.

Conforme a defensora pública Elceni Diogo, responsável pelo projeto, após avaliação da atuação do projeto piloto, ano passado, o trabalho volta com força total e pronto para atender pelo menos uma escola por mês. “Os detalhes ainda serão acertados com a gestão da Secretaria Estadual de Educação”, esclareceu.

 

A defensora explicou que aplicar uma metodologia interativa é a maneira eficaz de conseguir atingir a sensibilidade dos alunos. “Tivemos uma boa aceitação, por parte dos alunos, em todas as escolas do ano passado, onde foi aplicada a metodologia nos três dias consecutivos. Continuaremos a trabalhar de forma dinâmica e integradora, para disseminar a cultura de paz”, frisou Elceni.

Serão três dias de oficinas, e ao final, os alunos receberão certificados de participação. Durante a aprendizagem, os alunos terão visualização de casos, atividade de produção artísticas para atribuir um feedback do que ficou entendido na cultura de paz e mediação de conflitos.

Top
×